Como se dar bem numa entrevista de emprego

DETALHES QUE PODEM FAZER DIFERENÇAS

Imagem de Free-Photos do Pixabay

“Por que alguns são bem-sucedidos e outros não na entrevista de emprego? ”

O SLOGAN a primeira impressão é a que fica, não se traduz a necessariamente que fica, mas a que mais marca em um primeiro contato. E tais atitudes positivas são importantes para construir vínculos que vão marcar nossa personalidade por muito tempo e ser favorável à nossa carreira e sucesso profissional.

Nossa linguagem corporal e comportamental são as ferramentas ideais para passar uma boa imagem num primeiro contato em uma entrevista de emprego e é preciso ter conhecimento prévio das atitudes que revelam e constroem uma aceitação favorável ao nosso favor e que o entrevistador espera para que venha desempenhar seu cargo com eficiência.

O autoconhecimento é importante, pois saber sobre você e onde pretende chegar é crucial, pois fatores psicológicos podem fazer você alcançar ou não uma vaga de emprego e é preciso saber dominar sua personalidade, como por exemplo, sorrir mesmo que esteja meio cabisbaixo, contato visual ½ de dois terços do tempo, acima parecerá agressivo, pois nossos olhos são a janela da alma e o que sentimos expressam neles.

Ser reservado, não precisa revelar toda sua vida, cuidado com a sua superexposição (extravagancias, roupas inapropriadas, são prejudiciais.

Nossa palavra possui poder, portanto fazer elogios, usar as palavras certas, (nunca gírias), é fundamental para convencer ao cargo, o não uso de frases de efeitos para quebrar o gelo, pois não trazem resultados.

É preciso usar os cincos sentidos ao seu favor, nunca fale alto demais, saiba ouvir, não use chiclete, boa postura corporal, etc.

Ser conhecedor do mundo, dos assuntos do momento e principalmente da empresa, para não estar desatualizado.

Temos que ter em mente que é a última oportunidade para conseguir passar na entrevista (foco) estudos revelam que é, e em uma fração de segundos bem sincronizados da sua personalidade fará de sua carreira longa dentro daquela empresa e perceber que valeu muito a pena.

Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *